Ligue-nos / Call us: 282 457 018

Eliminar Derrames

Eliminar Derrames

O laser muito utilizado para Eliminar Derrames é o laser de Neodimio Yag, que emite a 1.064 nm
GentleYAG da Candela na Clínica PRIVÉ

Em Portugal, um terço da população sofre de doença venosa e as mulheres são as mais afectadas: 2 milhões em idade adulta são portadoras desta patologia.

A doença venosa crónica define-se como a dilatação das veias e consequente deformação devido à estagnação do sangue. As veias dilatadas tornam-se visíveis e traçam linhas em relevo nas pernas, originando derrames e varizes.

Um dos tratamentos para este problema é o laser vascular, que obtém bons resultados nas microvarizes. Sensação de peso, inchaço nos tornozelos, dormência e comichão nas pernas são os sintomas mais comuns da doença venosa.

Os principais factores de risco para o agravamento da doença venosa crónica são: o excesso de peso (muitas vezes provocado pelo sedentarismo), o tabaco, o álcool, a idade, o stress físico e psíquico, a hipertensão arterial, a gravidez, os contraceptivos orais, entre outros.

O laser transcutâneo está indicado no tratamento das telangiectasias e varizes reticulares (varizes de pequeno calibre). Quando a indicação é correcta e a execução efectuada com rigor, tem excelentes resultados, não só no que respeita aos sintomas mas também no que se refere à estética. O laser muito utilizado para Eliminar Derrames é o laser de Neodimio Yag, que emite a 1.064 nm e, em particular, o Nd-Yag de pulso longo (Laser GentleYAG). Este laser tem uma absorção também próxima da curva final da oxihemoglobina, constituinte sanguíneo que permite uma coagulação com características ideais – a coagulação é obtida com a elevação da temperatura entre os 50° e os 90° C, sendo a temperatura ideal os 80° C, durante um segundo. Possibilita o tratamento de varizes e varicosidades de maior calibre, até 8mm, o que se traduz também numa complementaridade quando se torna necessário eliminar vasos que têm associadas veias nutrientes com calibre mais fino.

Tipos de tratamentos

Para evitar as complicações das varizes, devem-se tratar as veias aos primeiros sinais de pernas pesadas. O tratamento deve ser escolhido de acordo com o caso:

  • Compressão elástica – Efectuada com ligaduras ou meias elásticas, impede a dilatação das veias e evita o Flebologia. Nas pessoas que estão muitas horas de pé e sofrem de pernas pesadas as meias evitam as varizes.
  • Laser – Aplicação de uma radiação electromagnética que vai eliminar os vasos e úlceras varicosas, angiomas, telangiectasias faciais, couperose, rosácea e microvarizes “derrames varicosos”.
  • Pressoterapia Lymphastim – É um sistema de massagem mecânica. Trata os edemas do sistema linfático e circulatório, já que favorece o retorno venoso, diminuindo a celulite.

Varizes e calor

Num período de mais calor, como o Verão, é preciso ter cuidado com as pernas, sobretudo as pessoas que sofrem de derrames e varizes. Quem sofre desta doença, não deve descurar os cuidados nas idas à praia: manter as pernas à sombra (pelo menos, nos primeiros dias de praia), apanhar sol perto da linha de água, aplicar protector solar com um factor elevado, alternar banhos de sol com banhos de água e passear na rebentação das ondas.

Quem se estiver a submeter a um tratamento com laser, deve evitar a exposição solar durante três semanas após a aplicação, pois podem ocorrer pigmentações ou despigmentação da pele.

O ideal é fazer o tratamento durante o Inverno para não haver o risco de complicações devido à exposição solar. De uma forma geral, mais vale prevenir do que remediar.

Prevenir é a solução

Facilite a circulação sanguínea com: exercício: andar a pé, de bicicleta, corrida, golfe, natação, caminhar na água ao longo do rio ou do mar.
Banho: água morna alternada com fria, à noite (ou só os pés).

Repouso de pernas elevadas: ao fim do dia de trabalho ou após o exercício. Todas estas medidas facilitam o retorno venoso, evitam as varizes, pernas pesadas e as suas complicações.

Calor nas pernas: evite sol, radiadores, lareiras, braseiras, correntes de ar quente, epilação a quente. Evite usar botas ou meias grossas em locais aquecidos. Evite roupas e sapatos apertados.

Excesso de peso e comidas fortes: faça uma alimentação rica em fibras (vegetais, couves, saladas, frutas) e beba muita água.Evite bebidas alcoólicas e especiarias (pimenta, etc.).

Espalhe a Palavra...

Close Menu